Melhor Pulverizador Manual

Se você possui uma horta, ou gosta de ter várias plantas em casa, então sabe da importância do pulverizador manual. Afinal de contas, é com ele que você consegue ter um controle maior sobre suas plantinhas, deixando-as sempre livres de insetos e outras pragas.

Pois foi pensando nisso que nós separamos neste artigo incríveis modelos de pulverizador manual para você escolher o melhor. Além disso, nós também separamos um pequeno guia destacando tudo o que você deve levar em consideração na hora de escolher o seu!

Então, se você quer garantir a saúde e segurança de suas plantinhas o quanto antes, é só continuar por aqui com a gente!

Qual o melhor pulverizador manual?

Para te ajudar a responder essa pergunta, abaixo nós separamos incríveis modelos de pulverizador manual para você escolher o melhor, então confere só!

Pulverizador Manual 2 Litros Palisad – O Mais Baratinho!

Pros
  • Modelo barato
  • Ideal para locais pequenos
Contras
  • Sua capacidade máxima de 2 litros não é das melhores
  • Também encontramos reclamações relativas a vazamentos do bico ajustável

Comecemos nossa lista com nosso modelo mais baratinho, mas que ao mesmo tempo não te deixa na mão!

Este modelo apresenta uma capacidade para até 2 litros, além disso ele conta ainda com uma escala de medição, bico ajustável, bomba para criar pressão e uma válvula de controle de pressão automático. Produzido com plástico ABS de alta durabilidade, a válvula de alívio de pressão deste modelo é ativada quando o limite de pressão de 2,8 atm é excedido.

Pulverizador Fritz Borrifador Manual Alta Pressão – O Modelo Compacto!

Pros
  • Design compacto
  • Modelo leve, com apenas 290 gramas
  • Design projetado para facilitar o borrifo
Contras
  • Indicado apenas para pequenas aplicações
  • Sua capacidade é limitada, com apenas 350 ml

Procura por um modelo pequeno e compacto, que você possa levar para todos os lugares? Pois então confere só este!

Este modelo apresenta um formato de desenhos animados, com uma capacidade para até 350 ml, ele se destaca devido ao sei design compacto e ergonômico. Sua indicação é para hortas, jardins e pomares, bem como também para a desinfecção de residências.

Pulverizador Manual De 5 Litros Palisad – Bom Custo-Benefício

Mas, se você é o tipo de pessoa que adora um bom custo-benefício, então confere só este modelo!

Este pulverizador manual da Palisad oferece uma capacidade para até 5 litros, ideal para a maioria de suas aplicações. Além disso ele conta ainda com uma escala de medição, bico ajustável, bomba para criar pressão e uma válvula de controle de pressão automático. Produzido com plástico ABS de alta durabilidade, a válvula de alívio de pressão deste modelo é ativada quando o limite de pressão de 2,8 atm é excedido.

Pros
  • Bom custo-benefício
  • Capacidade para até 5 litros
  • Bico ajustável
  • Possui escala de medição
  • Produzido em plástico ABS de alta durabilidade
  • Válvula para controle de pressão automática
  • Acompanha alça para ombros
Contras
  • Encontramos algumas reclamações referentes a modelos que já vieram com defeitos de fábrica

Pulverizador Adaptável em Garrafa Pet Vonder – De Fácil Uso!

Este pulverizador manual adaptável em garrafa pet certamente é o mais fácil de se usar que você irá encontrar!

Trata-se de um pulverizador doméstico, onde você deverá acoplá-lo em uma garrafa pet para seu correto funcionamento, sendo que sua capacidade máxima dependerá do tamanho, e do enchimento, da garrafa pet utilizada. Porém bastante cuidado com o líquido que será utilizado, pois produtos químicos tais como ácidos, solventes e tintas não devem ser utilizados com este pulverizador.

Pros
  • Produto de fácil utilização
  • Melhor pulverizador doméstico
  • Acoplável em garrafa pet
Contras
  • Não encontramos reclamações referentes a este tipo de modelo

Tramontina Pulverizador Costal Manual 16 L – Nosso Campeão!

Pros
  • Nosso modelo campeão
  • Capacidade máxima para até 16 litros
  • Válvula de segurança na tampa do tanque
  • Trava para pulverização contínua
  • Cinto de sustentação confortável
  • Indicador de capacidade do tanque
  • Bico nas versões simples, dupla e quádrupla
Contras
  • Modelo caro

E por último, mas não por menos, temos o nosso modelo campeão aqui!

Este na realidade trata-se de um modelo “híbrido”, ou seja, ele é um pulverizador manual E costal. Este modelo é para ser utilizado nas costas, como se fosse uma mochila, e com o borrifo em suas mãos. Possui uma capacidade máxima para até 16 litros, a tampa do tanque possui uma válvula de segurança para permitir a entrada do ar e impedir o vazamento de líquidos, válvula de registro com trava para a pulverização contínua, alavanca de bombeamento com acabamento plástico, cinto de sustentação confortável, indicador de capacidade do tanque, não precisa de ferramentas para sua montagem e o bico pode ser utilizado nas versões simples, dupla e quádrupla.

 Para que serve um pulverizador?

Qual o melhor pulverizador manual?

Acima nós te apresentamos vários modelos de pulverizador, mas você sabe dizer para que ele serve? Qual é a sua função?

A função de um pulverizador é “pulverizar”, ou seja, aplicar pesticidas e herbicidas em sua horta e plantinhas. Claro, você também pode utilizá-lo para regá-las. Em uma produção agrícola o uso do pulverizador é indispensável, porém nesta situação é utilizado geralmente um pulverizador costal, de modo que o trabalho em larga escala seja facilitado.

Aqui nós estamos focando exclusivamente no pulverizador manual o qual, por tratar-se de um modelo menorzinho, é mais indicado para uso residencial e doméstico. Porém, independente de qual você utilizar uma coisa é certa, a praticidade de um pulverizador para aplicar pesticidas em jardins e pequenas lavouras é uma de suas principais vantagens, sendo possível encontrar diferentes modelos em diferentes preços e para diferentes necessidades.

Mas, como estamos focando aqui exclusivamente no pulverizador manual, vamos então conferir seus principais tipos abaixo.

Todos os tipos de pulverizador manual!

Uma vez que estejamos focando nos pulverizadores manuais, é importante saber que não existe apenas um único tipo, mas sim vários. Abaixo nós separamos os principais tipos de pulverizador manual para lhe apresentar, de modo que você possa entender qual deles é o melhor para suas necessidades!

Borrifadores

O primeiro modelo são os borrifadores, sendo também o modelo mais básico aqui. Possui um jardim pequeno? Pois então este é o modelo ideal para você tomar conta de seu jardim sem precisar recorrer necessariamente a um pulverizador. Isso pois com os borrifadores você consegue adubar e regar suas plantas sem nenhum problema, sendo que aqui nós podemos fazer um paralelo entre este modelo com os regadores normais.

O primeiro modelo que nós apresentamos acima é um bom exemplo do que nós estamos falando aqui. Então, se você possui um jardim pequeno, ou apenas algumas plantinhas pela casa, este definitivamente é a melhor opção!

Pulverizador de garrafa PET

O pulverizador de garrafa PET é o modelo mais prático que você poderá adquirir, sendo um item muito simples e adaptável, praticamente para qualquer situação que você tiver pela frente ele poderá lhe ajudar aqui.

Este pulverizador é vendido apenas a sua parte de borrifador, sendo que a garrafa PET para ser acoplada é você quem terá de providenciar, o que não deverá ser um problema aqui. Sua facilidade de transporte é uma de suas grandes vantagens, e você ainda pode utilizá-lo para além do que apenas em plantas. Aqui é possível adaptá-lo para ser utilizado, por exemplo, para borrifar suas roupas, ou então até mesmo para realizar assepsia em enfermarias.

Pulverizador de pressão

Em seguida nos temos o pulverizador de pressão, o qual apresenta um reservatório próprio, e cuja aplicação não necessita de tanto esforço assim. Aqui você consegue encontrar pulverizadores com um reservatório entre 5 a 20 litros, e normalmente com uma alça de transporte para facilitar seu trabalho.

Se você quer um pulverizador manual para um jardim de tamanho médio, ou então médio-grande, este é o modelo ideal, desde que você busque de um reservatório de 7 litros para cima.

No que dá pra usar um pulverizador manual?

Agora que você já tem uma boa noção de para que serve um pulverizador manual, já deve também ter em mente sua utilização, não é mesmo? Mas mesmo que você não tenha bem em mente, ou então não consiga ver muitas funcionalidades além de pulverizar jardins, nós separamos abaixo tudo o que você é capaz de fazer com um pulverizador manual, confere só!

  • Começando pelo mais óbvio, com o pulverizador manual você consegue pulverizar jardins, hortas e plantas, aplicando pesticidas e herbicidas, de modo a manter suas plantinhas sempre bem saudáveis. Além disso você também pode utilizá-lo simplesmente para borrifar água em suas plantas;
  • Para borrifar água não apenas nas plantas, mas também em suas roupas;
  • Para encher balões, seja com água ou com ar;
  • Realizar assepsia em enfermarias;
  • Te ajudar na limpeza geral dentro de casa;
  • Higienizar objetos vindos da rua, o que é especialmente útil em momentos de pandemia;
  • E claro, para diversas outras aplicações que você tiver pela frente!

Como você pode bem ver, as aplicações de um pulverizador manual são vastas, sendo que na verdade tudo vai sempre de acordo com suas necessidades. Pode ser que surja uma situação única pela sua frente em que o pulverizador possa lhe ajudar, o que não é algo incomum de ocorrer.

Dicas de como escolher o melhor pulverizador manual

Qual o melhor pulverizador manual?

Acima nós lhe apresentamos vários modelos de pulverizador manual, mas como você pode identificar qual deles é o melhor? Pois para te ajudar com isso nós separamos abaixo todos os fatores que você deve levar em consideração na hora de escolher o seu, confere só!

1 – Comece definindo suas necessidades

Antes de mais nada, a primeira coisa que você deve ter em mente é para que você deseja um pulverizador manual, onde você irá utilizá-lo? Saber responder a isso é o primeiro passo.

É importante aqui fazer o cálculo de tamanho de seu jardim, pomar, flores e plantas, ter tudo bem em mente para saber qual o melhor jeito de lidar com eles. Somente tendo essas informações em mente é que você poderá começar a ter noção de qual o pulverizador manual mais indicado aqui para você.

2 – Qual o tipo de pulverizador manual é o melhor para você?

Este item deve estar bem alinhado ao item acima, pois somente definindo bem suas necessidades é que você poderá começar a ter uma ideia de como irá supri-las.

Nós já falamos em um tópico acima sobre os diferentes tipos de pulverizador manual (borrifadores, de garrafa PET e de pressão), então a dica aqui é que você suba este artigo e dê uma nova lide neste tópico, para então ter em mente qual deles é o melhor para suas necessidades. Entretanto, rapidamente falando, nós podemos definir assim:

  • Borrifadores → Para jardins pequenos e pequenas aplicações;
  • Pulverizador de garrafa PET → Para jardins pequenos e médios, ou sempre que você necessitar de uma maior mobilidade para com o seu pulverizador;
  • Pulverizador de pressão → Já para jardins de tamanho médio e médio-grande, os pulverizadores de pressão são a melhor opção.

Saber definir bem suas necessidades é importante para que você possa escolher o melhor pulverizador.

3 – De olho na pressão

A pressão é outro fator importante que deve ser levado em consideração, pois é através dela que você poderá identificar dados como a vazão e o tamanho das gotas. Como aqui nós estamos falando de um pulverizador manual, a pressão será similar em todos os modelos, dependendo mais de fatores como vazão e diâmetro dos bicos.

Acima nós citamos um modelo que possui uma válvula para controle de pressão automática, então a dica é sempre que possível optar por tais modelos.

4 – Qual sua capacidade máxima?

Em seguida é importante conferirmos a capacidade máxima do pulverizador, ou seja, quanto de líquido (seja ele qual for) nós podemos utilizar em uma única aplicação.

Aqui novamente é importante ter em mente qual utilização você irá empregar ao seu pulverizador, pois não faz sentido você pegar um modelo que suporta apenas 2 litros se você irá utilizá-lo em um jardim de tamanho médio. Nesta situação você terá de pausar o trabalho várias vezes para encher seu pulverizador, algo que vai contra a ideia de eficiência. E claro, você também pode ir direto para um modelo com uma capacidade grande, mesmo para jardins pequenos, porém seu preço também será maior, e é necessário que você saiba fazer essa comparação.

A dica então é saber qual tamanho é o seu jardim, para então ter uma noção de qual a capacidade que você precisa que seu pulverizador possua.

5 – Quais os tipos de jatos oferecidos?

Aqui nós estamos nos referindo diretamente aos bicos de cada modelo.

Alguns modelos lhe permite controlar o tipo de jato que será esguichado através do bico, como você pode bem observar no último modelo de nossa lista as opções de bico simples, duplo e quádruplo. Caso possível, sempre opte por um destes modelos, pois aqui a eficiência lhe é garantida. Ter acesso a diferentes tipos de jatos pode lhe ajudar bastante dependendo de suas necessidades, como por exemplo para irrigar todo o seu jardim de uma vez só, ao invés de focar o fluxo de água em um único ponto.

6 – Procure por modelos ergonômicos

Utilizar um pulverizador manual, como o próprio nome já indica, trata-se de um trabalho inteiramente manual. Ou seja, o ideal aqui é sempre buscar por modelos que sejam ergonômicos, que facilitem o seu trabalho ao invés de dificultá-lo.

Quando falamos em modelos ergonômicos estamos nos referindo a dois fatores: o design e o peso. O design deve ser ergonômico para que, na hora de utilizá-lo, você não sinta nenhum tipo de desconforto, modelos que possuam a função de jato contínuo são até melhores, pois assim você não precisa ficar pressionando o gatilho. E com relação ao peso, o lado bom é que a maioria dos modelos manuais são leves, na realidade dependendo mais da quantidade de litros com que você o preencher. Os modelos maiores possuem alças que você pode utilizar, para não ter de suportá-los apenas os segurando.

Então foram duas dicas aqui, olhar o design do modelo bem como o seu peso, e sempre escolher aqueles que apresentem alças para facilitar seu carregamento e utilização.

7 – E o preço também deve sempre ser levado em consideração!

E por último, mas não menos importante, o preço é algo que deve sempre ser levado em consideração.

Como você pode bem notar acima, um pulverizador manual não trata-se de um item caro, sendo que na verdade você deve sempre escolhê-lo de acordo com suas necessidades, há até mesmo modelos de garrafa PET. Os modelos mais caros devem ser selecionados apenas para jardins maiores, sendo eles os mais eficientes para este trabalho.

A dica aqui é simples, basta definir usas necessidades, bem como o seu orçamento, e se ater a eles. Certamente você será capaz de encontrar um modelo que atenda as suas necessidade sem com isso  pesar no seu bolso!

Agora você já sabe como escolher o melhor pulverizador manual!

Acima nós lhe mostramos vários bons modelos de pulverizador manual, bem como um pequeno guia destacando tudo o que você deve levar em consideração na hora de escolher o seu! Então agora você já sabe o que deve fazer para tratar bem suas plantinhas, é só ir atrás de um bom pulverizador e deixá-las sempre bem saudáveis!

Pensando em adquirir algum dos modelos apresentados acima, ou então até mesmo já possui um deles em casa? Pois então não deixe de nos contar sua opinião a respeito nos comentários abaixo!