Qual A Melhor Máquina De Corte Plasma?

Uma máquina de corte plasma parece até algo tirado diretamente de um filme de ficção científica, mas na verdade trata-se de uma ferramenta super importante! Atualmente, seu uso vem crescendo bastante, sendo um dos principais métodos no corte de metais, devido sua velocidade e alta precisão.

Pois é exatamente por isso que nós separamos abaixo incríveis modelos de máquina de corte plasma para você escolher a melhor. Além disso, nós também preparamos um pequeno guia destacando tudo o que você deve levar em consideração na hora de escolher a melhor!

Então, se você quer ter em mãos uma máquina de corte plasma o quanto antes, é só continuar por aqui com a gente!

Qual a melhor máquina de corte plasma?

Abaixo nós separamos incríveis modelos para que você possa escolher a melhor, então confere só!

Máquina De Corte Plasma Inversora – A Mais “Barata”

Pros
  • Modelo mais barato da lista
  • Potência de 47 kVA
  • Pressão entre 20 a 40 PSI
  • Pressão do compressor de ar de 45 Kg
  • Regulagem da corrente de solda
  • Botão de tempo de liberação de ar
  • Realiza cortes em chapas de até 8 mm
Contras
  • Não encontramos reclamações referentes a este modelo em específico

Antes de mais nada é importante ter em mente que uma máquina de corte plasma não é uma ferramenta barata! Com isso dito, dentre todos os modelos, este é o mais barato de nossa lista.

Este modelo apresenta uma potência de 47 kVA, utilizando-se de ar comprimido com pressão entre 20 a 40 PSI. Além disso, este modelo é capaz de realizar cortes em chapas de até 8 mm em aço inox, alumínio, carbono e quaisquer outros metais tais como prata, ouro, níquel, etc.

  • Voltagem sem carga → 250 V
  • Corrente de saída → 40 A
  • Voltagem de saída → 100 V
  • Ciclo de serviço → 60 %
  • Potência de entrada → 47 kVA
  • Pressão do compressor de ar → 45 Kg

Este modelo apresenta dimensões (C x L x A) de 41 x 33 x 19 cm, bem como um peso de 11 Kg.

Inversor Corte de Plasma Pelegrin – Bom Custo-Benefício

Pros
  • Bom custo-benefício
  • Maior segurança
  • Ausência de ruídos
  • Economia de energia
  • Velocidade elevada de corte
  • Utiliza-se de gás ionizado
Contras
  • Não encontramos reclamações referentes a este modelo em específico

Mas, se você não dispensa um bom custo-benefício, então confere só essa máquina de corte plasma!

Este modelo apresenta uma maior segurança, ausência de ruídos, economia de energia e uma velocidade elevada de corte. Além disso, ela utiliza-se ainda de gás ionizado em alta velocidade, o qual é utilizado em temperatura elevada de modo a garantir um corte mais preciso e fácil.

Modelo ideal para aço inoxidável, aço maciço, ligas de aço, cobre e demais materiais que sejam metálicos coloridos, mas também pode ser utilizado em materiais como folhas de vidro ou de plástico.

  • Corrente de entrada → 41 A
  • Corrente de saída → 30 – 40 A
  • Tensão de saída → 96 V
  • Tensão sem carga → 240 A
  • Ciclo de trabalho → 60%
  • Pressão do compressor de ar → 45 Kg

Este modelo apresenta dimensões (C x A x L) de 39 x 23 x 15 cm, bem como um peso de 11 Kg.

Máquina Inversora de Corte Plasma AOTAI – Boa Espessura de Corte!

Pros
  • Espessura de corte de até 12 mm
  • Corte manual com ignição de frequência elevada
  • Bom modelo para aplicações mais pesadas e uso profissional
  • Resistente a flutuações na rede elétrica
  • Ideal para utilização com geradores
  • Função pós fluxo
Contras
  • Não encontramos reclamações referentes a este modelo em específico

Mas, se você necessita de uma máquina de corte plasma mais profissional, com uma boa espessura de corte, então este modelo poderá lhe ajudar com isso!

Este modelo apresenta uma fonte de energia portátil, o que é perfeito para utilizá-la em aplicações mais pesadas e em uso profissional. Este modelo é capaz de realizar cortes com uma espessura de até 12 mm, seja em aço, cobre, aço inoxidável, alumínio, etc. Além disso, você ainda pode utilizá-lo para corte manual com uma ignição de frequência elevada, de modo a fornecer uma melhor partida de arco, e assim evitar que ocorram defeitos no processo de partida de arco. A função de pós fluxo é capaz de fornecer um resfriamento adicional para a tocha de plasma.

Máquina de Corte Plasma Portátil HandyPlasma – A Mais Completa!

Pros
  • Modelo mais completo
  • Indicado para fabricação de móveis, transportes e trabalhos profissionais mais pesados
  • Painel LCD colorido de 2,8″
  • Tocha com trava no gatilho
  • Função de corte de chapa ou grade
  • Não é necessário ajustar o gás
  • Função 2T/4T do gatilho na tocha
  • Acompanha 1 garra obra de 3 m, 1 alça tira colo, 1 chave para o filtro de ar, 1 conector de ar comprimido e 1 bico de corte 45 A
Contras
  • Modelo com preço bem mais elevado do que os anteriores

E por último, mas não menos importante, temos aqui nossa máquina de corte plasma mais completa!

Trata-se de um modelo leve e fácil de ser utilizada, com um painel de LCD colorido de 2,8″, e todos os ajustes podem ser feitos com um único botão. Este modelo conta ainda com uma tocha com trava no gatilho com foco na segurança, função 2T e 4T do gatilho na tocha, funções de corte de chapas ou de grade, não é necessário realizar ajustes no gás, sendo capaz de detectar automaticamente a pressão de saída e entrada.

Com relação a capacidade de corte, este modelo permite cortes de 12 mm em aço carbono, 10 mm em aço inoxidável, 8 mm em alumínio e apresenta uma capacidade de perfuração de 5 mm.

  • Faixa de corrente → 20 – 35 A
  • Pressão do ar → 7,3 bar
  • Vazão do ar → 110 l/min
  • Temperatura de operação → 0ºC a 40ºC
  • Potência ativa → 7,2 kW
  • Corrente nominal máxima → 41 A
  • Ciclo de trabalho → 25% a 35 A – 120 V / 35% a 35 A – 94 V / 100% a 22 A – 88,8 V

Este modelo apresenta dimensões (C x L x A) de 41,5 x 17,6 x 32,4 cm, bem como um peso de 13,5 Kg. Acompanham este modelo 1 garra obra de 3 m, 1 alça tira colo, 1 chave para o filtro de ar, 1 conector de ar comprimido e 1 bico de corte 45 A.

Como funciona uma máquina de corte a plasma?

Para que serve uma máquina de corte a plasma?

Acima nós te mostramos vários modelos de máquina de corte a plasma, mas você sabe dizer como ela funciona? A função desta máquina é realizar cortes em seções de metais, tais como alumínio, aço inoxidável, aço carbono e diversos outros metais.

Para fazer isso ela utiliza-se de um bico com um orifício feito de modo a constringir o gás ionizado em uma temperatura super elevada, para que então seja possível utilizar este bico para realizar os cortes necessários. Além disso, nos modelos mais modernos é possível constringir o plasma ainda mais, de modo que seu corte seja ainda mais rápido e com menos ângulos.

Este tipo de processo vem crescendo bastante, devido a sua precisão de corte e a sua velocidade. Mas abaixo nós poderemos conferir melhor quais são suas vantagens.

Quais as vantagens de se ter uma máquina de corte a plasma?

Além de sua precisão e velocidade, nós podemos atribuir como principal vantagem de uma máquina de corte a plasma sua relação oxi-corte. Ou seja, aqui ela apresentará um menor risco de deformação na peça, ocasionada por sua propagação térmica na zona de corte.

Entretanto, é bom ter em mente que você não deve utilizá-la em peças pequenas. Isso pois, devido a sua alta temperatura, utilizá-la em uma peça muito pequena fará com que a peça acabe se deformando.

Dicas de como melhorar a performance de sua máquina de corte a plasma!

Uma vez que você já tenha adquirido sua máquina de corte a plasma, é chegado o momento de utilizá-la. E, para lhe ajudar com isso, nós separamos abaixo algumas dicas de utilização que você deve sempre seguir para otimizar o desempenho de sua máquina ao máximo, então confere só!

  • Antes de mais nada, a primeira coisa que você deve fazer é um “corte teste”, preferencialmente no mesmo tipo de material que você irá utilizar. Isso é importante pois assim você consegue ter uma melhor noção da velocidade e configurações que você estará utilizando, sem o perigo de ocorrer quaisquer problemas na hora do corte;
  • Necessita realizar um corte longo? Então o melhor a se fazer é se preparar para isso, praticando os movimentos necessários e até mesmo utilizando guias de corte para lhe auxiliar. Ter de parar um corte para continuá-lo posteriormente é difícil, e além disso pode até mesmo comprometer a qualidade de seu trabalho;
  • Alguns modelos contam com um bocal de arraste, e se for o caso do seu, então não deixe de utilizá-lo. O bocal permite que você possa encostar a tocha na peça, ao mesmo tempo em que o bico mantém um espaçamento contínuo;
  • O bico utilizado sempre deverá estar adequado às configurações de amperagem. Se você insistir em utilizar, por exemplo, um bico de 40 A em uma operação em que o necessário é de 80 A, isso acabará distorcendo a abertura e reduzindo sua vida útil. E se o contrário for feito, um bico de 80 A em uma operação de 40 A, o fluxo de plasma não será concentrado, o que levará a um corte mais largo;
  • Caso vá trabalhar com materiais mais grossos, sempre utilize a tocha em um ângulo de 45º, pois assim você possibilitará um local para a primeira “explosão” do metal poder sair. Do contrário o respingo de metal irá desgastar os consumíveis mais rapidamente;
  • Tenha em mente que, com uma maior velocidade de deslocamento, mais limpo será o seu corte. Mais atenção, pois na hora de cortar materiais espessos você deverá ajustar a máquina para a saída total e ir variando a velocidade de deslocamento. Enquanto para materiais mais finos basta que você reduza a amperagem e utilize uma ponta de menor amperagem, de modo que você consiga fazer um corte estreito;
  • Fique atento ao sentido do arco, que deve sempre estar em um ângulo de 15 a 20 graus, e opostos ao sentido do deslocamento. Caso ele esteja virado diretamente para baixo, isso significa que você está muito devagar, mas, caso ele esteja “borrifando” (como um spray), isso significa que você está se movendo rápido demais;
  • Nunca utilize a tocha para retirar respingos, pois isso poderá acabar a danificando;
  • Leia o manual!

Dicas de como escolher a melhor máquina de corte a plasma!

Qual a melhor máquina de corte a plasma?

Acima nós lhe mostramos incríveis modelos de máquina de corte a plasma, mas como você pode definir qual delas é a melhor? Pois é pensando justamente em te ajudar com isso que nós separamos abaixo todos os fatores que você deve levar em consideração na hora de escolher a sua!

1 – Antes de mais nada, defina qual material você irá cortar

Antes de mais nada, a primeira coisa que você deve definir aqui é quanto ao uso de sua máquina de corte a plasma, ou seja, qual material você deseja cortar? Aqui é importante você ter em mente que o processo de corte a plasma trata-se de um processo elétrico.

Com isso nós queremos dizer que você somente poderá cortar materiais que conduzam eletricidade. Para nossa sorte a grande maioria dos metais conduzem eletricidade, o que aumenta bastante a gama de possibilidades para utilizar sua máquina de corte a plasma. mas mesmo assim ter em mente de antemão o material é algo necessário!

2 – Agora defina a espessura deste material

Uma vez que você já tenha bem em mente o material, o próximo passo é conhecer sua espessura.

Definir a espessura máxima de corte é importante, pois assim você poderá ir diretamente à máquina de corte a plasma com a amperagem necessária para realizar tal corte.

3 – Determine a taxa de plasma

A taxa de plasma é importante, pois é ela quem indica quantos centímetros você poderá cortar por minuto com sua máquina de corte a plasma em determinado material. Para tal ela utiliza-se de dois fatores: o tipo de metal e a amperagem.

A amperagem é relacionada a espessura do material, como dito anteriormente, sendo que quanto maior ela for maior também será o arco produzido.

Já com relação ao tipo de metal, este dado é importante pois diferentes tipos de metais afetam a taxa dos cortadores de maneira diferente e a taxas variadas. Metais mais condutivos podem cortar mais rapidamente, quando comparados com metais menos condutivos.

4 – Fique atento ao ciclo de trabalho

Um ciclo de trabalho significa quantos metais você pode cortar com sua máquina de corte a plasma em um determinado período de tempo, além de quanto tempo ela demora para “esfriar” até que você possa utilizá-la novamente. Por exemplo, caso sua máquina de corte a plasma possua um ciclo de trabalho de 20%, e realize cortes de 3 minutos, isso significa que você precisará esperar pelo menos 9 minutos para ela “esfriar”, para que então você possa utilizá-la novamente.

Fique sempre atento ao ciclo de trabalho, principalmente se você pretende utilizar sua máquina de corte a plasma em usos contínuos.

5 – De olho nas dimensões e peso

Uma máquina de corte a plasma, mesmo aquelas cuja amperagem é baixa, ainda assim podem pesar bastante. Ou seja, caso você necessite de um modelo realmente potente, é importante ter em mente que não terá tanta mobilidade para ficar o mudando de lugar a todo instante.

A dica então é, caso necessite de modelos super potentes, ter em mente o melhor lugar para instalá-lo, tendo em vista que você não poderá mudá-lo de um lugar a outro a todo momento.

6 – E claro, o preço deve também sempre ser levado em consideração!

E por último, mas não menos importante, o preço é algo que você deve sempre levar em consideração aqui!

Como você já pode ter notado acima, uma máquina de corte a plasma não trata-se de uma ferramenta barata, sendo que até mesmo o nosso modelo “mais barato” pode ser considerado caro. Ou seja, se o seu objetivo é adquiri uma máquina de corte a plasma, é bom já ter em mente seu valor e se preparar para tal. Mas, como você também pode perceber, o nosso modelo mais caro destoa em muito dos demais, fugindo do orçamento de muitas pessoas.

Então a dica aqui é simples, define suas necessidades e seu orçamento máximo, e se atenha a eles. Certamente você será capaz de encontrar uma máquina de corte a plasma que atenda as suas necessidade e se adeque a seu orçamento!

Agora você já sabe como escolher a melhor máquina de corte plasma!

Acima nós lhe apresentamos incríveis modelos de máquina de corte a plasma para você escolher a melhor, bem como um pequeno guia destacando tudo o que você deve levar em consideração na hora de escolher a sua. Então agora você já sabe que, sempre que necessitar cortar metais com rapidez e precisão, basta ir atrás da melhor máquina de corte a plasma que lhe ajudará com este trabalho!

Pensando em adquirir algum dos modelos citados acima, ou então até mesmo já possui algum deles? Pois então não deixe de nos contar sua opinião a respeito dele nos comentários abaixo!